Porquê SuperVeggies?

Porquê SuperVeggies?

Os vegetais são autênticos armazéns de nutrição! Desde vitaminas, minerais, anti-oxidantes, fibra, anti-inflamatórios e até proteína os vegetais são alimentos imprescindíveis para uma boa nutrição. Mas por vezes o trabalho da sua preparação afasta-nos da ideia de os acrescentar-mos a todas as refeições e snacks. O que podemos fazer quanto a isso?

SuperVeggies ao resgate!

Os SuperVeggies são microvegetais muito fáceis de adicionar a qualquer prato, super concentrados em nutrientes e com um sabor e uma crocância sem igual!

Fáceis!

Incorporar SuperVeggies nas tuas receitas é muito fácil! Basta cortar alguns rebentos com uma tesoura, passar por água e adicionar ao prato! Não é preciso descascar nem cozinhar =) Mais fácil do que isto era impossível ;)

Saborosos!

Cada SuperVeggie tem um sabor específico alusivo ao vegetal maduro que conhecemos mas com um toque Super =) E porque os olhos também comem, é possível transformar uma refeição básica num gourmet simplesmente pela beleza vibrante adicionada por estes microvegetais!

Nutritivos!

Estudos demonstraram que os microvegetais têm uma densidade nutricional bastante superior comparada com o vegetal maduro. Em alguns casos a mesma quantidade de microvegetais tem 40x mais nutrientes do que o vegetal maduro!

Couve Roxa
Vitamina A17x
Vitamina C6x
Vitamina E40x
Vitamina K7x
Luteína28x
Coentros
Vitamina A3x
Vitamina C1.5x
Vitamina E21x
Vitamina K8x
Luteína12x
Concentração de nutrientes de alguns microvegetais em comparação com o mesmo vegetal maduro


Estas concentrações altas de nutrientes têm vantagem na luta contra vários tipos de doenças como:

Doença Cardíaca: Os microvegetais são ricos em polifenois, uma classe de anti-oxidante associada a um risco mas baixo de doença cardíaca. Alguns estudos mostram mesmo que os microvegetais podem baixar os triglicerídeos e os níveis de mau colesterol (LDL).

Doença de Alzheimer: Comidas ricas em anti-oxidantes, incluindo aquelas que contêm quantidades altas de polifenois podem estar associadas a um risco mais baixo de Alzheimer.

Diabetes: Anti-oxidantes podem ajudar a controlar a diabetes. Alguns microvegetais aparentam conseguir melhorar o processamento de açucar em 25% e na presença de insulina até 44%.

Cancro: Frutas e vegetais ricos em antioxidantes, especialmente aqueles ricos em polifenois, podem reduzir o risco de vários tipos de cancro. É expectável que microvegetais ricos em polifenois tenham um efeito similar. Para além disso o sulforafano existente nos bróculos, kale e couve roxa é um aliado poderoso não só contra vários tipos de cancro mas também o envelhecimento, a inflamação e a depressão.

E agora?

Com todas estas vantagens, que SuperVeggie é que vais escolher para hoje? 🙂

– – –

Referências:

Assessment of vitamin and carotenoid concentrations of emerging food products: edible microgreens.
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/22812633

Nutritional characterization and shelf-life of packaged microgreens
https://pubs.rsc.org/en/content/articlelanding/2018/FO/C8FO01182F

Profiling Polyphenols in Five Brassica species Microgreens by UHPLC-PDA-ESI/HRMSn
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3915300/

In vitro regulation of enzymatic release of glucose and its uptake by Fenugreek microgreen and Mint leaf extract
https://ifst.onlinelibrary.wiley.com/doi/abs/10.1111/ijfs.13588

Natural Polyphenols for Prevention and Treatment of Cancer
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4997428/

Dietary polyphenols for treatment of Alzheimer’s disease–future research and development.
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25312617

Role of Plant Polyphenols in Alzheimer’s Disease.
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/27651253

https://nutritiondata.self.com/

https://www.checkyourfood.com/